Blog

Gimp faz o mesmo que o Photoshop?

Posted by:

Gimp faz o mesmo que o Photoshop?


Qualquer um que se aventure na área do design gráfico e do tratamento de imagens ouve falar, logo de início, do poderoso Adobe Photoshop: popular software usado principalmente para edição de fotos e, em menor escala, para desenhos e colorização. O programa em questão, por ser tão ostentado, acaba ocultando alternativas igualmente interessante, como o Gimp (GNU Image Manipulation Program), um manipulador de imagens de código aberto.

Gimp e Photoshop: Por quê vários optam pelo primeiro?

Todos os designers que optam pelos softwares livres já devem conhecer o Gimp. O programa, criado por estudantes como uma alternativa gratuita ao Photoshop, é bastante utilizado, além de levar a preferência de vários profissionais da área. O abandono do programa pago é, na maioria das vezes, devido ao preço, que pode até passar dos dois mil reais em sua última versão.

Mas será o preço o único fator do embate entre um e outro? E na hora de trabalhar, existem diferenças? Apesar de os dois programas serem usados para o tratamento e a edição de imagens, ainda existem diferenças que devem ser levadas em conta. Pesquisas feitas com usuários do Gimp e do Photoshop mostram que as diferenças vão muito além do preço.

Principais diferenças

Ausência de efeitos – Pode-se citar também a ausência de alguns efeitos no Gimp que estão presentes no Photoshop. Os efeitos 3D e vários filtros são exemplos dessa afirmação.

Precisão nas ferramentas – Há pessoas que dizem que o Gimp possui ferramentas mais precisas que o gigante da Adobe. A seleção, a alteração do fundo e a remoção de algumas imperfeições, por exemplo, ofereceriam mais facilidade ao usuário.

Ausência de um bom suporte CMYK – Depoimentos dizem que, apesar do Gimp ser um ótimo software, o mesmo não possui um suporte realmente forte para o padrão de cores CMYK.

Photoshop versus Gimp: conclusões finais e esclarecimento

É preciso ter conhecimentos específicos nos dois programas para afirmar com clareza quais as vantagens de um em relação ao outro. Na teoria, vários dirão que o Gimp faz o mesmo que o Photoshop, o que não é totalmente errado. Afinal, os dois softwares possuem o mesmo propósito e o primeiro é uma alternativa suficiente em vários casos.

A briga sobre a questão “Adobe Photoshop ou Gimp” é uma daquelas discussões em que é difícil colocar um ponto final. Usuários do Gimp defendem a liberdade e a leveza do programa, enquanto os que usufruem dos programas Adobe pregam a infinidade de recursos, o costume de uso e até mesmo a maior abertura do mercado para os softwares mais conhecidos.

A atitude mais sensata é reconhecer que ambos os programas são muito bons e, assim como vários outros softwares, possuem vantagens e desvantagens. Escolher entre um e outro depende da necessidade e da preferência de cada usuário.

Crédito da imagem: Luciano Signorelli via Compfight cc



related post

0


About the Author:

Nerd inveterado, já tentou 'abraçar' a informática como um todo e quase enlouqueceu, já perdeu coisas boas da vida para ficar estudando 'a tecnologia do momento', mas conseguiu bons amigos nas veredas binarias.

Add a Comment