Blog

Por que usar o Blender?

Posted by:


BlenderDesde os seus primórdios até os dias de atuais a computação gráfica mudou drasticamente. Esferas que simulavam muito porcamente volumes e flutuavam pela tela eram o orgulho dos primeiros nerds artistas; hoje porem podemos ser desafiados a descobrir se estamos sendo apresentados a fotos de uma modelo real ou virtual, se a foto que vemos realmente existia aquele carro conceito ou ele foi modelado e inserido no contexto de forma que não sabemos distinguir, se esta bela planta estava no estúdio ou não, se nossa próxima casa já está pronta ou o vendedor tem apenas uma maquete eletrônica em mãos.

Os Softwares.

Possivelmente quando se fala de modelagem 3D, o 3DMAX é o primeiro a ser lembrado por ser um dos (senão o) primeiros a trabalhar neste segmento, então podemos facilmente entender o porque se manteve líder absoluto por muitos anos, contudo já não existe uma folga muito grande como já foi, afinal existem hoje tantos outros tão bons quanto como o Maya, o Rhino, Cinema 4D, Zbrush, wings e é claro o Blender, só para citarmos alguns deles.

O Blender

O Blender surgiu em uma produtora de video holandesa, a NaN, mas que foi vendido 2002 por 100,000 euro  por uma campanha mundial de venda, sim, isto mesmo, o Blender foi vendido à comunidade “open source”, que se diga de passagem foi muito melhor que se esperava, e desde então vem sofrendo melhorias espantosas e se tornando um dos grandes players do segmento

Vantagens

Depois que o usuário quebra a barreira inicial, que é a sua interface não padrão, mas que já melhorou muito, a utilização deste excelente programa se torna muito ágil, fazendo o uso de teclas de atalho para praticamente qualquer coisa, desde abrir um arquivo até inserir uma key frame por exemplo.

Suas funcionalidades o fazem ter sem sombra de dúvida o melhor custo beneficio do mercado! Custo beneficio? Você pode ter pensado agora, sim, seu valor de aquisição é zero e isto é impossível de ser superado. Além de uma ótima ferramenta de modelagem, também temos um editor de vídeo simplificado, mas que é capaz de solucionar a maior parte de suas necessidades e ainda com opção de se aplicar alguns efeitos.

Sua simulação de física conta com recursos avançados e de fácil manipulação que podemos enumerar:

  • Campo de força que criar:
  1. Vento
  2. Vórtices
  3. Magnetismo
  4. Fumaça
  5. Arrasto
  6. Boids
  7. Guia de Curva
  8. Turbulência
  • Sistema de colisão
  • Simulador de tecidos que permite grande controle sobre as propriedades do objeto gerado como a sua massa por exemplo.
  • SoftBody que pode usado para a geração de de corpos flácidos que é capaz de imitar gordura por exemplo.
  • Gerador de fluidos que é capaz de produzir os mais variados líquidos.
  • Gerador de fumaça.

Seu gerador de partículas também é muito potente e pode construir cabelos e pelos de forma muito realística.

Plugins

Por se tratar de um software aberto é extremamente simples de se programar um plugin para ele, pois não exite a necessidade de se pedir informações a uma empresa detentoras dos meios para tal, inclusive a comunidade brasileira é muito ativa no desenvolvimento central do blender.

Podemos citar alguns exemplos:

  1. O excelente Make Human, que evoluiu para um programa stand-alone a partir de um script em python que é capaz de criar um modelo humano com muitos detalhes, inclusive de idade, etnia e sexo muito rapidamente.
  2. Particle Morphig Tools que faz transições de um objeto para outro, ou seja uma esfera via se transformando gradativamente em um cubo ao se dissolver.
  3. Rock generator que como o próprio nome já diz é um gerador de rochas.
  4. Particule Fluid Tools que ao contrario do gerador de fluidos do Blender, gera seus fluidos a partir de partículas.
  5. World Scale ajuda a colocar um tamanho real a objetos, que é muio importante para que a cena tenha uma aparência mais real. Apesar de o seu uso ser indicado para projetos arquitetônicos, é um plugins importantíssimo para qualquer projeto.
  6. Exporte Paper Model Script é capaz de criar desenhos para serem impressos e então dobrados, cortados e colados, fazendo assim objetos reais de seus modelos virtuais.

Isto sem contar com os que já são empacotados pela própria Blender Fundation.

Sistema de Animação

Seu sistema de animação é muito avançado e conta com ossos com cinemática reversa, limitação de rotação, peso na deformação e permite o uso de elementos como controles do boneco.

Saída

É capaz de dar saída a mais de 20 extensões diferentes incluindo as mais comuns como BMP, PNG, JPG, TARGA, TIFF, AVI, MPEG, Ogg e H.264 em virtualmente qualquer tamanho

Estas são algumas das razões que posso enumerar para se usar o Blender, que recentemente foi usado no filme “Vingadores”, você também pode indicar alguma? Deixe nos comentários ou use o fórum para debater sobre o assunto.

Foto: Copyright (c) 123RF Stock Photos



related post

4


About the Author:

Nerd inveterado, já tentou 'abraçar' a informática como um todo e quase enlouqueceu, já perdeu coisas boas da vida para ficar estudando 'a tecnologia do momento', mas conseguiu bons amigos nas veredas binarias.

Discussion

  1. Luiz Eduardo Borges  janeiro 23, 2013

    Bom artigo!

    • adell  janeiro 23, 2013

      Obrigado Luiz

  2. Paulo  janeiro 29, 2013

    Faltou citar o Lightwave, blender e Modo realmente são excelentes, mais o Pai deles pra mim é sem dúvida melhor!!! Não entendo porque as pessoas excluem ou sempre ignoram o Lightwave! Véi o histórico de filmes e games e campanhas publicitárias que foram desenvolvidos com ele não me deixa mentir. Mais ainda assim gostei do Post! Sucesso cara.

    • adell  janeiro 30, 2013

      Obrigado Paulo!

      Mas sobre não incluir o Lightwave, o motivo é o mesmo de o blender não aparecer em outros tantos lugares, é que realmente não vem a cabeça na hora de escrever, por falta intimidade com o software, e sim! Pelo que vejo por ai, é um ótimo software 🙂